27 de junho de 2011

Atenção aos detalhes
Para comprar uma moto usada alguns itens devem ser checados antes de fechar negócio. A atenção aos detalhes como o estado da moto e com documentação pode evitar futuros transtornos.
Com a Suzuki Intruder 125 não é diferente.
Confira o checklist para comprar uma Intruder usada sem dores de cabeça.





Estado geral
Inicialmente verifique o estado geral da motocicleta; banco rasgado, tanque riscado ou amassado, estado das partes cromadas, pontos de ferrugem.

Por se tratar de uma moto usada, alguns detalhes são inevitáveis, mas isso depende de como o antigo dono cuidava dela.

Ponto de ferrugem comum

Tanque riscado

Banco remendado com fita adesiva

Parte Elétrica
Mais importante do que a estética, a parte elétrica deve ser observada.
Veja se a buzina, luz do painel, farol alto e baixo, piscas e luzes de freio estão funcionando. São itens de segurança e seu funcionamento é fundamental.


Farol e pisca

Pneu traseiro e corrente

Pneus
Confira o estado dos pneus e seus desgaste. Eles devem ser uniformes, pois um desgaste irregular do pneu (de um lado maior do que do outro) pode indicar um quadro (chassi) ou suspensão empenada. Se o pneu for novo, é um bom motivo para desconfiar.

Chassis
Item importantíssimo: Cheque se a suspensão está alinhada (se existe algum empeno). Olhe ela pela frente e por trás para verificar se as rodas estão alinhadas entre si.
Procure por riscos ou amassados laterais na manopla, punho, retrovisores, escapamentos, pedaleira, piscas, tampas laterais, amortecedores e etc. Isso pode indicar um tombo ou queda.


Escapamento com detalhes

Lateral da moto

Levante o banco e procure por possíveis gambiarras, como remendos ou fios de arame.

Sente na moto e sinta ela, procure perceber se existe alguma folga girando o guidão de um lado para o outro; ela deve girar facilmente e sem qualquer barulho.

Painel
A quilometragem deve ser condizente com o ano de fabricação dela; muito ou pouco rodada. Pois o hodômetro pode ser alterado. Atenção com motos de garagem ou de fim de semana.
Se ela ficou parada por muito tempo é necessário atenção especial.



Ano 2006 com 32.321 KM rodados

Motor e escapamento


Motor
Ligue a moto e verifique a existência de algum barulho anormal (metálico). Preste atenção se ao acelerar ela soltar fumaça; o motor pode estar fumando. Acelere e veja se a moto apresenta alguma dificuldade (fadiga), isso pode significar entre outras coisas, vida útil comprometida tanto do motor como dos componentes.
Veja também se não existe algum vazamento de óleo do motor.

Finalizando
Antes de sair olhando a moto verifique sua situação legal e documentos. Isso pode ser feito através do DETRAN de sua cidade. Cuidado especial com multas, IPVA e transferência.
Peça o número do RENAVAM para efetuar uma pesquisa do histórico da moto ou vá até um despachante para poder fazer toda a consulta necessária.

Consulte a tabela FIPE para verificar o valor médio cobrado. Na hora de ir ver a moto vá acompanhado. Se for o caso, peça a um mecânico para ir junto.

Pesquise muito pois é o SEU DINHEIRO que está em jogo.
Com isso você evita que o seu sonho vire um pesadelo.
Comentário(s)
2 Comentário(s)

2 comentários:

  1. NO caso de motos a muito tempo parada,como prosseguir? Estou comprando uma INtruder ano 2008 epor incrivel que pareça está com apenas 4,500 km rodados,pneus originais e não estão ressecados...Vou efetuar a troca de óleo do motor,óleo de freio,óleo das bengalas e retentores pois há um vazamento perceptivl...
    Motor lindo de se ouvir e estado geral em bom estado,tirando alguns pontos de ferrugem.

    ResponderExcluir